Aposte em Caixas Organizadoras Para a Casa

Caixas organizadoras podem se transformar em ótimos objetos de decoração em uma casa. Elas são funcionais, úteis para acomodar uma diversidade de outros objetos que, no dia a dia, nem sempre são usados com certa frequência. Há ainda os casos de pessoas que estão organizando suas casas, ou em pequenas reformas, e que precisam delas para organizar tudo o que tem para uso. O bacana é que há tantas caixas organizadoras bonitas que elas não precisam ser apenas uteis para acomodar as coisas.

Os modelos ideais de caixas organizadoras são as que possuem tampas. Estas podem ser usadas para todos os tipos de organização, desde ordenar os brinquedos das crianças, quando organizar mantimentos dentro dos armários, separando-os por prioridade de uso, tamanho e validade. Podem ser coloridas, no caso de serem usadas para organizar os quartos dos pequenos. Podem ser transparentes, caso o destino sejam armários. Tudo vai depender do gosto particular, bem como do estilo que já está presente na casa.

No mercado, podem ser encontrados os modelos tradicionais de papelão também. Em geral, são bonitas, decoradas, com motivos de personagens e até mesmo quadrinhos adultos.  No entanto, não costumam ser muito duráveis, em especial se colocadas em certos ambientes.

Se as caixas forem colocadas em prateleiras e manuseadas com frequência não podem ser de material sensível, posto que a durabilidade delas será bem curta.

Quem está com a casa em ordem e quer deixar as caixas no chão, como elemento decorativo mesmo, os modelos ideais são os de plástico, também com tampas. Há ainda opções de caixas feitas em MDF, são bem resistentes, entretanto,  costumam custar um pouco a mais, dos que as apresentadas nos modelos anteriores.

As caixas organizadoras podem ser ainda mais úteis. Em seus interiores é possível colocar divisores – mais conhecidos como colmeias. Caixas pequenas com colmeias em seus interiores podem ser colocadas em gavetas e gaveteiros.

Dessa forma, organizar calcinhas, meias sutiãs por cores e usos frequentes é uma garantia de melhor organização do espaço. A dica também serve para toda a organização do roupeiro. Peças que costumam ser usadas em poucas ocasiões, podem ficar seguras de traças, mofos e outros tipos de causadores de danos em tecido, se forem postas em sacos plásticos e guardadas em caixas organizadoras. Elas dão um ar bem leve aos armários e closets.

Aproveite para também usar estas caixas organizadoras em escritórios ou home offices.

Aposte em Prateleiras Para Decorar a Casa

Quem quer decorar a casa sem gastar muito possui uma gama de opções – basta que seja usada a lei máxima da decoração: criatividade aliada à praticidade e otimização dos espaços. Por isso, apostar em algumas peças e itens é fundamental para conseguir uma decoração que dê efetivamente a ideia de aconchego e muita tranquilidade aos ambientes. E não se pode ainda esquecer-se de que a decoração deve contemplar a personalidade de quem vive na casa.

Um desses itens que são baratos e aplicam muito bem a teoria dos decoradores são as prateleiras. Prateleiras acrescentam praticidade e otimizam espaços em quaisquer que sejam os ambientes. Além disso, ainda conseguem aumentar a capacidade de armazenamento de certos objetos, como livros, brinquedos, roupas e até mantimentos de uma cozinha. Para quem possui pouco espaço, as prateleiras são consideradas as peças chave de toda a organização.

As prateleiras podem ser encontradas em diferentes tipos de materiais, cores, formatos e acabamentos. É possível também pedir que sejam feitas sob encomenda a um marceneiro, neste caso para quem não pode arriscar em comprar as que estão à venda, nas lojas de utilidades, por conta das famosas medidas padrão. Elas podem ser fixadas nas paredes com o auxílio de mãos francesas bonitas, em estilo colonial ou ainda as que são mais tradicionais em estilo triangular. Há modelos que já vêm acompanhadas por outros tipos de fixadores que suportam pesos dos mais variados.

Quem possui porões e garagens em casa e deseja garantir uma arrumação prática, deve optar por modelos de prateleiras de metal. Elas são bastante duráveis e podem suportar grande quantidade de peso. Não precisam de revestimento, nem de acabamentos especiais que evitem ferrugem a longo prazo.

Mas é ideal que elas sejam mais largas do que as escolhidas para serem colocadas em quartos, salas, cozinhas e banheiros. Para quem precisa de organização e não conta com muito dinheiro, uma boa opção são as pranchas de madeira de reflorestamento, compradas em madeireiras. Resistentes, já vêm aparelhadas e prontas para receber uma camada de verniz especial para proteger a madeira.

Ainda é possível em casa mesmo fazer uma “estante mais clássica”, em forma de prateleiras. Estas podem ser colocadas nas salas de estar ou de tevê, logo em cima dos painéis que estão bem na moda.

As prateleiras podem ser fixadas em locais também estratégicos. Em uma parede onde seria colocado apenas quadros decorativos, fixe duas ou três prateleiras pequenas e sob elas, coloque puffs decorativos ou pequenos cestos de vime no chão. Ficará charmoso e muito funcional.

Aposte no Uso de Tapetes Para Decorar e Aquecer Ambientes da Casa

Os tapetes são peças de decoração versáteis, que conferem conforto e elegância aos cômodos. Eles também ajudam a proteger os pisos e deixam a decoração de diversos ambientes da casa mais aconchegante e aquecido. Para acabar com as dúvidas de como decorar com tapetes e apostar no objeto para incrementar os ambientes, seguem algumas dicas de como apostar no uso de tapetes para decorar a casa.

Tapetes embelezam qualquer ambiente além de proteger determinados tipos de pisos. Eles também garantem mais retenção de calor, no caso de cômodos que sejam revestidos com os chamados pisos frios. Por isso, a escolha certa proporcionará diversos benefícios. E lembre-se: a escolha do tapete também deve respeitar a decoração já existente na casa.

Para salas de estar ou de tevê o ideal são os tapetes maiores e de boa qualidade. Há hoje modelos feitos em algodão, que não provocam alergias e ainda podem ser lavados na máquina de lavar, em casa mesmo.  Os modelos felpudos são mais aconchegantes e retém mais o calor no ambiente, em especial se o chão for revestido com granito, mármore ou porcelanato. A mesma regra também vale para quartos de adultos e das crianças. Mas é sempre bom lembrar que tapetes podem causar alergias se não forem de material adequado.

Caso a escolha do tapete seja para um quarto de criança, opte pelos modelos emborrachados, que não acumulam poeira e podem também ser lavados. Além disso, os emborrachados costumam ser coloridos, com motivos especiais. Podem ser aplicados em toda a extensão dos quartos.

Embora alguns tenham essa predileção, evite colocar tapetes sob a mesa da sala de jantar. Suja com muita facilidade, por conta da queda de alimentos e o trabalho para efetuar a limpeza não vale a beleza que o tapete promove. Aliás, nenhum tipo de tapete sujo, é capaz de embelezar a área onde ele está. E tem outro detalhe: tapetes em que se acumula muita sujeira, a durabilidade costuma ser menor ainda.

Lavabos, banheiros e halls devem ser contemplados com bons tapetes. Opte pela novidade dos modelos feitos em fibra sintética, que têm sido muito indicados para esses ambientes. Podem ser lavados assim como os de algodão e com certa frequência. Mas atenção, nunca deixe de combiná-los entre si. Uma decoração harmoniosa garante maior aconchego em uma casa.

Procure comprar tapetes em feiras de artesanato e exposição de artigos para decoração. Os produtos vêm diretamente dos fabricantes o que reduz muito o valor cobrado pelas peças.

Como Escolher os Objetos de Decoração da Sua Casa?

Para algumas pessoas pode parecer que dá muito trabalho ter uma casa elegante, bonita e bem decorada. Mas, não é bem assim. É possível encontrar objetos de decoração que aliem um bom preço, uma ótima qualidade e que ainda garantam muita funcionalidade e personalizem todos os ambientes da casa. Basta que haja o desejo de bater perna por aí, além daquele tempinho para fuçar na internet em busca das oportunidades para adquirir as peças desejadas, e às vezes, por preços muito aquém dos que são praticados em grandes lojas especializadas em artigos de decoração.

Atualmente, há os mais variados tipos e qualidades e preços de objetos de decoração. E tanto a procura como a oferta são enormes, por isso saia de casa para comprar já pensando sempre em boas pechinchas. Uma dica sempre útil para aqueles que desejam encontrar peças bacanas e que sejam multifuncionais como baús, caixas, puffs é ir aos centros comerciais onde estão localizados os distribuidores e fabricantes destes produtos. Nesses locais é possível fazer negociações muito interessantes, uma vez que a compra é realizada sem intermediários.

Feiras de artesanatos são opções muito interessantes. Como nas feiras de artesanato, os artesãos produzem as peças, elas costumam ser muito diferentes do que existe no mercado tradicional. Para quem gosta de originalidade em vasos, tapetes, pequenas peças decorativas, vale muito a pena agendar um passeio nestas feirinhas. Já para os que gostam mesmo é de encontrar ideias originais para depois produzir uma peça em casa, também vale procurar os ateliês, onde há aulas para restauro de peças antigas e produção de novas.

Antiquários, também devem ser visitados por quem está pensando em encontrar aquela peça que dê um tom mais retro ou de vanguarda em seus ambientes. Normalmente, estas lojas costumam praticar preços mais elevados na venda de seus produtos, mas o interessante mesmo nestes lugares é a oportunidade de encontrar móveis antigos e que foram feitos em madeira maciça e que em lojas de departamentos não existem mais. Cômodas, mesas enormes e com cadeiras estofadas, podem ser adquiridas por preços imbatíveis, mesmo quando há a necessidade de pagar por frete na hora da entrega.

E sempre tenha em mente que comprar bons objetos de decoração requer analisar, além de preço a funcionalidade das peças. Principalmente para quem vive em locais com pouco espaço, os objetos decorativos devem servir não apenas como enfeites, mas também para guardar tudo o que temos em casa. As peças, portanto, devem ser úteis e duráveis, pois ninguém deseja sair gastando por nada.

5 Dicas Para Decorar Com Criatividade

A decoração dos ambientes de uma casa costuma ser o que mais pesa no orçamento das famílias que estão em processo de construção, ou reforma final. Decorar, de fato, custa caro, porque os objetos de decoração que estão disponíveis no mercado possuem um preço que no geral é exorbitante. Então, o que fazer para gastar menos nessa etapa da transformação de seu lar? De acordo com os especialistas no tema, a resposta é bastante simples: aposte na criatividade e na prática do faça você mesmo.

Ideias bem simples, mas repletas de criatividade, podem resultar em um ambiente super original e muito pessoal. Na hora de fazer a decoração com pouco dinheiro, esta deve ser a premissa adotada por você.

Uma ideia muito original e que tem sido testada por diversas pessoas é a aposta em objetos feitos a partir de material de reuso. Que tal reaproveitar latas e garrafas na decoração? Para quem gosta de decorar com flores, as garrafas long neck de cerveja ou refrigerante podem virar vasos originais e interessantes. Já as latas ou potes de vidro podem virar porta-talher, porta-corpo ou mesmo lixos de mesa.

Outra dica é fazer uso de caixotes de feira para a montagem de móveis e outras peças decorativas. Uma ideia muito fácil de fazer, por exemplo, é criar com caixotes de feira estantes para livros. Basta limpar e pintar a madeira para fixá-la na parede.

Sabe aquele móvel do qual você já enjoou? Então, não se desfaça dele. Aprenda a reformar sem ter de pagar para um especialista em recuperação de móveis. Para dar uma nova cara ao ambiente, revista os móveis com papel de parede. Com essa técnica, é possível obter móveis coloridos e estampados para renovar o visual da mobília. E tudo por um preço bem pequeno.

Faça uma limpeza no porão e encontre aqueles objetos que já foram parar lá, porque passaram do tempo. Use-os como objetos decorativos  construindo uma linha bem retrô. Além de estar em alta, você não gastará nada ao usar câmeras fotográficas, máquinas de escrever e discos de vinil, por exemplo. Ponha-os em estantes, mesas de centro, de canto.

Faça uma iluminação diferenciada. Sabe aquelas luzinhas de natal? Pois bem, elas não precisam ser usadas apenas na época natalina. Aposte no uso destas luzes nos cantos de quartos de crianças, lavabos, e até mesmo na sala de estar.

Decore Sua Casa Fazendo Boas Escolhas

Todos sabem que a decoração de uma casa é essencial para que os ambientes tenham vida, transmitam a verdadeira sensação de aconchego e sofisticação que todos desejam para o seu lar. Para decorar os ambientes de uma casa, vários aspectos devem ser considerados, por isso um bom planejamento é sempre fundamental para que não haja gastos desnecessários e nenhum tipo de desperdício, principalmente em tempos de crise econômica. Sendo assim, não faça compras que não caibam no orçamento, muito menos que não tenham real utilidade na decoração de sua casa.

Designers de interiores são categóricos: o ambiente que será decorado deve sempre ter a cara de seu dono. Este deve ser o primeiro aspecto a ser considerado sempre, uma vez que uma decoração que não agrade ou não transmita exatamente a ideia que se tinha anteriormente do ambiente, poderá acarretar no desejo de trocar tudo de novo, e isto nada mais é do que um grande desperdício de tempo e dinheiro.

O segundo passo é pensar na planta de cada ambiente que será decorado e dimensionar o espaço existente, para assim se ter uma ideia clara das escolhas certas no momento da escolha e da compra de todos os componentes necessários para realizar a decoração. Lembrando sempre da primeira dica dada: não compre nada que não vá usar de fato.

Quem quer uma decoração mais suave, mais limpa e funcional pode ser uma boa escolha principalmente para quem não dispõe de muito dinheiro para comprar peças unicamente decorativas. Um exemplo é a compra e uso de baús que tanto podem dar um toque especial em salas e quartos. Estas peças são altamente funcionais, uma vez que em seus interiores podem ser guardadas roupas volumosas, e que são usadas geralmente apenas durante as estações mais frias do ano.

Outra dica, e talvez a mais valiosa é pesquisar preços, além de ter  muita, muita paciência. Estes são, sem sombra de dúvidas, os mecanismos concretos na hora de fazer as escolhas certas para decorar a casa. Não é necessário gastar muito dinheiro para deixá-la agradável e linda como sempre foi sonhada. Visite lojas especializadas em decoração para ter uma referência, porém não deixe de garimpar locais alternativos que podem oferecer desde peças para montar um enxoval até mesmo reservar aquele quadro bacana no tamanho certinho para ser colocado na sala de estar, e por um preço justo.